Assista cultos ao vivo

sábado, 30 de agosto de 2014

MARINA EMPATA COM DILMA NO PRIMEIRO TURNO E PODE GANHAR COM LARGA VANTAGEM NO SEGUNDO TURNO.


Marina empata com Dilma no 1º turno e pode ganhar com larga vantagem no 2º turno
Dilma e Marina têm 34% das intenções de voto cada no primeiro turno, mais do que o dobro de votos do terceiro colocado, Aécio Neves (PSDB)

São Paulo (SP), 29 de Agosto de 2014
ALEXANDRE CAVERNI (REUTERS)

Marina vem ganhando espaço no pleito (Divulgação)
O maremoto causado pela entrada de Marina Silva na corrida presidencial deste ano continua a causar estragos nos adversários e agora a candidata do PSB já aparece empatada em primeiro lugar com Dilma Rousseff (PT), derrotando com folga a presidente numa segunda rodada, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira.

Dilma e Marina têm 34% das intenções de voto cada no primeiro turno, mais do que o dobro de votos do terceiro colocado, Aécio Neves (PSDB), que aparece com 15%. Num segundo turno, a candidata do PSB venceria com 50% dos votos, contra 40% de Dilma. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

Pesquisa Datafolha divulgada dia 18 mostrava Dilma com 36%, seguida por Marina com 21% e Aécio com 20%. Num segundo turno, Marina e Dilma estavam no limite do empate técnico, com a candidata do PSB à frente numericamente: 47 a 43%.

Uma observação ligeira dos números sugere que Marina "rouba" votos de todos os candidatos e segue atraindo os indecisos.

Os demais candidatos agora somam 3% das intenções de voto, contra 5% na pesquisa anterior; os indecisos passaram a 7%, ante 9%; os que planejavam anular ou votar em branco foram para 7%, antes eram 8%.

Marina tem se beneficiado do fato de personificar melhor que qualquer outro candidato o desejo de mudança da população, expresso nas pesquisas eleitorais, e pela comoção causada pela trágica morte do ex-candidato do PSB Eduardo Campos, de quem era vice na chapa.

Além disso, ela tem um forte recall da última eleição, quando conseguiu quase 20 milhões de votos disputando a Presidência pelo PV.

Por conta do processo de substituição de Campos e por circunstâncias específicas, como a entrevista no Jornal Nacional na noite de quarta-feira, Marina tem se beneficiado de uma forte exposição na mídia, que tem compensado com folga seu pouco tempo na propaganda eleitoral obrigatória no rádio e na TV.

As campanhas de Dilma e Aécio, que inicialmente evitavam atacar a candidata do PSB, já passaram a adotar outra estratégia. Aécio, por exemplo, tem batido na tecla de que ele representa a mudança com segurança em contraposição ao que chama de improviso, em alusão a Marina.

Nesta semana duas outras pesquisas mostraram Marina isolada em segundo lugar e derrotando Dilma num segundo turno. Pelo Ibope, Dilma tinha 34%, Marina 29% e Aécio 19%. Num segundo turno, Marina vencia Dilma por 45 a 36%.

O Datafolha mostrou também oscilação para baixo na avaliação do governo Dilma. Depois da recuperação mostrada na última pesquisa, quando atingiu 38%, a avaliação ótima/boa passou para 35%. Já a avaliação ruim/péssima passou de 23 para 26%.

O Datafolha ouviu 2.874 pessoas, na quinta-feira e nesta sexta, em 178 municípios do país.



quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Pastor se espelha no profeta Elias e desafia terrorista islâmico a se converter ao cristianismo



Pastor se espelha no profeta Elias e desafia terrorista islâmico a se converter ao cristianismo




Um pastor cristão norte-americano desafiou o chefe do grupo terrorista Estado Islâmico (ISIS) a se converter ao cristianismo ou participar de uma versão moderna do confronto entre o profeta Elias e os profetas de Baal, descrito no livro de 1 Reis, capítulo 18.

O pastor Bill Keller gravou um vídeo com o desafio pessoal ao chefe do ISIS, Abu Bakr Al-Baghdadi, e convidou-o a renunciar o Islã e aceitar Jesus. Recentemente, Al-Baghdadi se auto-proclamou califa, ou seja, uma espécie de papa dos “muçulmanos em todos os lugares”.

“Como um evangelista, o meu desejo e trabalho da minha vida é levar as almas perdidas para a fé em Jesus Cristo. A Bíblia diz que é desejo de Deus que todos cheguem ao arrependimento, para que ninguém se perca. O fato é que Jesus morreu pelos pecados de todos os homens, até mesmo o senhor Al-Baghdadi”, explicou o pastor.

Keller afirmou que se o chefe do ISIS não aceitar a Jesus, ele está pronto para uma demonstração pública do poder divino: “Eu irei para o Iraque, a Síria, qualquer local que você quiser. Cada um leva um animal puro, corta o animal em pedaços, coloca as peças em madeira, mas não ateia fogo à madeira. Depois de preparado, você tem uma hora para recorrer a Deus e pedi-lo que mande fogo sobre a sua oferta. Se no final desse tempo Alá ainda não tiver respondido às suas súplicas, eu invocarei o único e verdadeiro Deus da Bíblia. Não apenas para mandar fogo sobre a minha oferta, mas sobre a sua também”, desafiou o pastor.

Na sequência, o pastor Bill Keller apresenta a proposta final: “Se o seu deus Alá não responder, você vai renunciar como líder do ISIS. Você vai se aposentar da sua vida de terror. Você vai incentivar seus seguidores a viver em paz e eu serei livre para voltar para os Estados Unidos”, pontuou. “Se o seu deus Alá responder às suas súplicas pelo fogo [e] o meu Deus não fizer, eu vou renunciar a fé cristã, e você está livre para me matar ou fazer o que quiser”, acrescentou.

Compartilhar
Por fim, o pastor disse que os cristãos precisam tomar uma postura mais firme quanto à maldade no mundo: “É hora de alguém desafiar essas ferramentas de satanás, em vez de se encolher na tenda como o exército de Israel fez quando hostilizado por Golias”.

Afirmou Bill Keller ao WND.

domingo, 24 de agosto de 2014

Médico pesquisador afirma que “para ter uma vida longa e saudável” a fé é mais importante que exercícios.



Os efeitos benéficos da fé para uma vida longa e saudável foram novamente destacados por um pesquisador britânico que publicou um artigo sobre o tema. “Para ter vida longa, tenha fé em Deus”, resumiu Richard Scott.

Hebreus 11:1 - Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se vêm.


Scott é um cristão e médico familiar que recentemente enfrentou um extenuante tratamento de radio e quimioterapia contra um câncer no intestino. Durante o tratamento, leu um estudo acadêmico de 700 páginas intitulado “Religion and Health” (“religião e saúde”, na tradução do inglês) e chegou à conclusão de que a influência positiva da fé na saúde é “extraordinária”.

O artigo de Scott foi publicado no British Journal of General Practice deste mês, segundo informações do jornal inglês Telegraph. No texto, o médico afirma que a fé contribui mais para uma vida longa e saudável do que o hábito de praticar exercícios físicos regularmente.

A “fé em Deus”, segundo Scott, pode reduzir em até 60% o risco de um ataque cardíaco e ajudar na melhora de um paciente que sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) ou que se recupera de um tratamento contra o câncer.

Compartilhar
Na área da saúde mental, as estatísticas são ainda mais chamativas. Pacientes que sofrem de depressão se recuperam mais rapidamente quando têm fé, e os que sofrem de esquizofrenia têm maior qualidade de vida. Nos casos de abuso de álcool e drogas, a fé ajuda a reduzir o consumo das substâncias, diz o texto de Richard Scott.

A “Fé em Deus”, diz o médico, “é relevante para todas as doenças já estudadas”. Essa crença poderia ser, como muitos hoje em dia definem, ilusória, mas o efeito benéfico é real, com os pacientes demonstrando “maior felicidade, autoestima, otimismo e sentido na vida”, concluiu.

Fonte: Noticias Gospel

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

A ASSEMBLEIA DE DEUS EM SÃO JOSÉ DOS PINHAIS COMPLETOU 66 ANOS DE FUNDAÇÃO.


Nos dias 16 a 19 de agosto a AD de São José dos Pinhais, comemorou seus 66  anos de fundação, 23 anos de construção do templo central e 45 anos de profícuo ministério do Pr Ival Teodoro da Silva.
As festividades contaram com a presença do seguintes pregadores: Pr Enando Brito de Belém do Pará e do Pr Daniel Pedroso de São José.
No louvor tivemos a orquestra Acordes Celeste, Orquestra Sinfônica do Campo de São José dos Pinhais, Coral Unidas para Louvar, coral Harmonia Pentecostal, além de vários cantores e grupos musicais.
Vários pastores e caravanas estiveram presentes, além de muitos representantes políticos.
Oremos pelo crescimento da AD em São José dos Pinhais.
Fonte: Secretaria da IEADSJP

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

"MORRE O PRIMEIRO MISSIONÁRIO ESPANHOL, VÍTIMA DA EBOLA".


O missionário espanhol Miguel Pajares, o primeiro europeu infectado pela epidemia de ebola que já matou mais de mil pessoas na África Ocidental, morreu em um hospital de Madri, informaram as autoridades de saúde da cidade espanhola nesta terça-feira (12).

"Ele morreu às 9h28 (4h28 de Brasília)", afirmou um porta-voz do hospital La Paz-Juan Carlos III.

Pajares, de 75 anos, contraiu a doença no hospital Saint Joseph de Monróvia, onde trabalhava na Libéria para uma organização governamental. Ele foi levado para a Espanha no dia 7 de agosto, se tornando a primeira pessoa a ser tratada da doença na Europa.

Esta é a quarta morte nos últimos 10 dias de um funcionário do hospital Saint Joseph da capital da Libéria, vinculado à ordem religiosa de São João de Deus e fechado pelas liberianas desde 1 de agosto.

Pajares chegou muito debilitado à Espanha na última quinta-feira, em um avião militar, com a freira Juliana Bonoha, também espanhola, que não tem o vírus.

O religioso, internado sob fortes medidas de segurança sanitária, havia pedido que a evolução de seu estado de saúde não fosse divulgada.

O Ministério da Saúde disse que ele estava sendo tratado com o medicamento experimental ZMapp, fabricado pela companhia norte-americana Mapp Biopharmaceutical. Dois trabalhadores humanitários norte-americanos infectados pela doença têm mostrado alguns sinais de melhora desde que receberam o medicamento.

O número de mortos infectados pelo vírus Ebola foi a 1.013, segundo último balanço divulgado nesta segunda-feira (11) pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O número de casos registrados foi a 1.848, de acordo com o organismo.

Pouca segurançaNos últimos dez dias, a epidemia matou quatro funcionários do hospital São José de Monróvia, incluindo seu diretor, o camaronês Patrick Nshamdze.

O centro, dependente da ordem religiosa espanhola San Juan de Dios, foi fechado no dia 1 de agosto pelas autoridades liberianas.

A porta-voz da ordem reconheceu na segunda-feira à AFP falhas na tomada de precauções após um exame defeituoso realizado no falecido diretor que não mostrava nenhum sinal de ebola.

"Teme-se que, como o exame de Patrick primeiro deu negativo, muitos relaxaram. Certamente não seguiram tomando as mesmas medidas de segurança tão rígidas", afirmou Adriana Castro.

"É provável que assim Pajares tenha sido contagiado e possivelmente o vírus se espalhou de Pajares entre as pessoas que estão ali", afirma.

O ebola, que provoca febre e nos piores casos hemorragias constantes, é transmitido pelo contato com uma pessoa infectada através de fluidos corporais como suor, sangue ou secreções.

Em uma carta dirigida a sua família publicada pelo jornal espanhol El Mundo, Pajares lamentava a falta de precauções: "Hoje tivemos a primeira morte por Ebola no hospital. Muitos dos que trabalham aqui, incluindo eu, estiveram em contato com o falecido, e não tínhamos luvas para nos proteger", escreveu no dia 9 de julho.

Cinco dias mais tarde disse: "Parece mentira, mas nos faltam as coisas mais elementares para a prevenção: luvas, roupas isolantes, máscaras, desinfetantes, etc".

Em abril, a OMS recomendou que os trabalhadores do setor de saúde tomassem precauções devido ao risco de contágio mesmo quando o Ebola não estivesse confirmado nos pacientes.

O último surto deste vírus, que segundo esta organização é o pior desde a descoberta desta doença, há quatro décadas, matou mais de 1.000 pessoas, de 55% a 60% das pessoas infectadas.

Fonte: Um porta-voz do hospital La Paz-Juan Carlos III.

Seguidores